Corretora pede reconhecimento de vínculo empregatício e é condenada por má-fé

Corretora pede reconhecimento de vínculo empregatício e é condenada por má-fé

O juiz do Trabalho substituto Carlos Eduardo Marcon, da 2ª vara de São Paulo/SP, não reconheceu vínculo empregatício entre uma corretora e um grupo imobiliário e ainda condenou a corretora por litigância de má-fé por prestar informações contraditórias. A mulher ajuizou ação contra um grupo imobiliário alegando que foi dispensada sem receber as verbas rescisóriasLeia mais sobreCorretora pede reconhecimento de vínculo empregatício e é condenada por má-fé[…]

Justiça condena trabalhador acidentado a pagar honorário de advogado de empresa

Justiça condena trabalhador acidentado a pagar honorário de advogado de empresa

Vítima sofreu acidente de moto em 2011 a caminho do trabalho; sentença foi dada com base em nova legislação trabalhista Uma juíza de Canoas (RS) rejeitou o pedido de indenização de um almoxarife que sofreu um acidente de moto em 2011 enquanto ia trabalhar. Com base na reforma trabalhista, a decisão acabou revertendo-se contra ele,Leia mais sobreJustiça condena trabalhador acidentado a pagar honorário de advogado de empresa[…]

Empregado absolvido na esfera criminal não reverte justa causa na Justiça do Trabalho

Empregado absolvido na esfera criminal não reverte justa causa na Justiça do Trabalho

A Subseção II Especializada em Dissídios Individuais (SDI-2) do Tribunal Superior do Trabalho manteve a improcedência de ação rescisória movida por um ex-funcionário da Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN) visando desconstituir decisão já transitada em julgado que manteve sua dispensa por justa causa por omissão em fraude na empresa. Absolvido na esfera criminal, ele alegavaLeia mais sobreEmpregado absolvido na esfera criminal não reverte justa causa na Justiça do Trabalho[…]

Demissão por justa causa de empregada por comentário no Facebook

Demissão por justa causa de empregada por comentário no Facebook

Uma auxiliar financeira foi dispensada por justa causa em razão de ter postado no Facebook que estava “cansada de ser saco de pancada do chefe, só Pq ele está sem grana, conta negativa!!! E a pessoa se diz pastor evangélico, só se for do capeta”. As mensagens trocadas com um amigo vazaram e foram enviadasLeia mais sobreDemissão por justa causa de empregada por comentário no Facebook[…]

Setor da Construção trabalha para implementação das regras da Reforma Trabalhista

Setor da Construção trabalha para implementação das regras da Reforma Trabalhista

Os sindicatos da indústria da construção já estão trabalhando para a implementação das novas regras da legislação trabalhista, que entrou em vigor no último sábado (11/11), atualizando mais de 100 artigos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), para adequar a legislação às novas relações de trabalho. A lei amplia a negociação entre patrões e empregadosLeia mais sobreSetor da Construção trabalha para implementação das regras da Reforma Trabalhista[…]

Trabalho no sistema de “home office” não dá direito a horas extras

Trabalho no sistema de “home office” não dá direito a horas extras

A 8ª Turma do TST acolheu recurso da Blackberry Serviços de Suporte de Vendas do Brasil Ltda. e julgou improcedente o pedido de horas extras de um gerente de qualidade que executava suas tarefas no sistema de “home office”. Conforme o julgado, “presume-se que não há controle de horário no trabalho em casa, cabendo aoLeia mais sobreTrabalho no sistema de “home office” não dá direito a horas extras[…]