Banco é condenado a pagar aluguel e condomínio de mutuário que recebeu imóvel com infiltrações

Um morador de Minas Gerais recebeu o imóvel cheio de infiltrações, sem condições de morar. Ele foi obrigado a pagar aluguel e condomínio durante mais de dois anos, enquanto não terminava a reforma. O homem processou a Caixa Econômica e vai receber de volta o que gastou. O Tribunal Regional Federal da 1ª Região entendeu que o imóvel deve ser entregue em plenas condições de moradia, e que a instituição financeira tem responsabilidade porque foi quem financiou a obra.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *